©2018 by EduMarketing

O que não fazer no aniversário do cliente

Como passei por essa data recentemente, fiz um breve resumo do que deveria ser evitado em ações de relacionamento com o cliente:

Academia: recebi uma mensagem por e-mail, me felicitando pela data. Engraçado que ninguém me ligou ou enviou um e-mail para me perguntar por que não apareço há 4 meses e continuo pagando regularmente minha mensalidade. No final do e-mail, uma simpática observação: “Caso seu aniversário não seja hoje, por favor me informe a data correta para que eu atualize em nosso sistema.” Espera aí: não seria melhor ter checado na matrícula se meus dados estavam todos corretos? Há menos de 15 dias também recebi uma correspondência do setor de avaliação clínica para refazer meu exame médico, ainda dentro da validade. Empresas: vamos trabalhar melhor no gerenciamento de dados de seus clientes…

Associação de ex-alunos: um e-mail muito simpático me cumprimentava pelo aniversário e aproveitava para me lembrar que eu deveria confirmar meu interesse em ser um associado vitalício dessa instituição. Heloooo… eu já sou associado vitalício há tempos. Se optei em sê-lo, por que ainda devo confirmar?

Banco: ao acessar minha conta no serviço de internet banking, recebo um pop up com meu nome composto, que odeio, e a mensagem “Feliz Aniversário!” Não seria melhor perguntar ao cliente como ele prefere ser chamado? O que era para me deixar alegre, me deixou p… da vida.

Consultoria de RH: a imagem não abre no e-mail, mas sugere que eu clique em um link caso não consiga visualizar. Mesmo não tendo cadastrado nada, recebo como resposta “Feliz Aniversário – Obrigado – Suas informações já foram cadastradas”. Dados “invariáveis”? Problema de “bios”?

E-commerce: em resumo, a mensagem é “Parabéns, cliente! Vamos te dar um bônus de 10 reais de presente desde que você compre acima de 50 reais”. Ah, fala sério… Descontando o frete, qual é mesmo o presente que fica?

#emailmarketing #relacionamento

3 visualizações